Empresas tem prejuízos de até 5% do faturamento com fraudes

Conforme a Association of Certified Fraud Examiners (ACFE), é que as organizações percam cerca de 5% do faturamento devido a fraudes.

As fraudes não são um fenômeno novo ou dos tempos modernos, ou ainda um problema unicamente nacional. O mau e lamentável hábito de desviar ou se apropriar de bens alheios é antigo e permeia toda a humanidade.

Neste contexto, o grande desafio das empresas é reduzir o montante de recursos que é desviado pro meio de furto, corrupção ou outros tipos de apropriação.

Para alcançar sucesso razoável nesta missão, as empresas precisam adotar mais de uma medida, procedimentos ou ferramenta, de modo que elas interajam umas com as outras. Auditorias periódicas, adoção de sistemas de gestão e formalização da operação estão entre as principais iniciativas para minimizar as perdas por fraude.

As empresas de pequeno porte, devido ao número limitado de recursos humanos, acabam sendo as mais prejudicadas. Ainda assim, adotando medidas de controle é possível minimizar a ação de pessoas mal intencionadas.

A formalização das atividades da empresa permite que auditorias sejam realizadas de forma eficiente e confiável e oferece a vantagem de ser possível contar com as informações geradas pela contabilidade da empresa, o que permite a confrontação de informações e a obtenção de indicadores cruciais para a administração da empresa.

Para auxiliar neste processo a implantação de um sistema informatizado eleva as possibilidades de cruzamento de informações e reduz a necessidade de recursos humanos que são caros. Um sistema informatizado deve ser capaz de integrar as operações da empresa desde as compras, entradas de mercadorias, processos até a venda ou expedição. De posse dos registros de todas essas informações o administrador da empresa conseguirá identificar a existência de desvios, determinar a origem e, por consequência, adotar as medidas cabíveis.



Deixe um Comentário

Seu e-mail não aparecerá no comentário. Os campos obrigatórios estão marcados com (*).

Você pode usar estas tags e atributos em HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>