Como treinar seu cérebro para trabalhar melhor sob pressão

Confira três maneiras de treinar o cérebro para evitar nervosismo em situações estressantes.

Prazos apertados, cobrança, metas a cumprir e reuniões com os clientes. Esses fatores fazem parte da rotina de grande parte dos profissionais e demandam uma habilidade importante: saber trabalhar sob pressão.

Mas como trabalhar melhor nessa situação? Existem três maneiras simples para ajudar a treinar o cérebro para isso:

Gerenciar recompensas

Somos mais criativos quando há uma combinação entre recompensas do ambiente e a motivação pessoal. Quando alguém está focado em conseguir algum resultado positivo, a pessoa é mais criativa. Uma forma de fazer isso é colocar um saco de doces ou dinheiro como prêmio. Se a tarefa for realizada com sucesso, o profissional ganha o prêmio, mas cada vez que ele fizer algo que não tenha relação com o trabalho a ser feito, ele retira um pouco do prêmio. Isso ajuda a manter o foco.

Treinar, treinar e treinar

Trabalhar sobre pressão é desagradável, por isso muitas pessoas tendem a procrastinar. Como consequência, os profissionais podem agravar a pressão que enfrentam pelo fato de estarem despreparados. Um exemplo: falar em público. Se o profissional acredita que não seja bom nisso, ele deve praticar seu discurso antes sozinho e também  com colegas. Com o tempo, o treino fará com que a pressão tenha menos efeito.

Focar nas coisas certas

Em uma negociação, por exemplo, é possível que o profissional se atente à forma como ele está falando, seus gestos e tom de voz. Nada disso o ajudará a negociar melhor porque a probabilidade de falar de forma eloquente e natural é maior quando a pessoa não está prestando atenção nesses fatores. O ideal é fazer negociações simuladas com os colegas para praticar. Em uma situação real, o cérebro vai buscar monitorar como anda a negociação, ao invés de como o profissional está se saindo.

Fonte: Supera



Deixe um Comentário

Seu e-mail não aparecerá no comentário. Os campos obrigatórios estão marcados com (*).

Você pode usar estas tags e atributos em HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>