Mundo Mobile – Uma realidade

Com a tecnologia se transformando tão rapidamente acabamos por não parar e notar que a vida das pessoas também vem se transformando. São tantas opções para se conectar: sites, vendas online, blogs, aplicativos, redes sociais que a forma de comunicação precisa acompanhar esta evolução e buscar facilitar este meio tanto no lado pessoal quanto no profissional. Por isso vemos tanta publicidade por todos os lados. Se o comportamento das pessoas vem se modificando e esperado a mudança na forma de comunicação no intuito de melhorar a qualidade de vida das pessoas tocando num dos pontos mais sensíveis hoje do ser humano que é a falta de tempo. Agilidade e facilidade é o que se procura.

Segundo dados do e-Bit, o varejo online brasileiro está com taxa de crescimento anual de aproximadamente 30%. Segmento este fomentado pelas iniciativas que vêm se tornando tradicionais nas compras pela internet: Dia das Mães, Black Friday e também o Natal.

As expectativas para 2016 é de crescimento nas vendas online (em torno de 17%) que serão impulsionadas principalmente pela tendência do mobile commerce.

Não podemos ignorar esta fatia do mercado e devemos buscar formas de entender e nos aprofundar um pouco mais nesta nova realidade para conseguirmos inserir produtos e serviços de forma assertiva.

Buscar este consumidor mobile num mercado tão concorrido não é tarefa fácil. Mas ficar de fora é deixar de ganhar e fidelizar clientes.

Se milhões de brasileiros acessam a internet pelo celular, devemos estar onde o consumidor está.

A Datamais desenvolve aplicativos mobile, utilizando as mais recentes tecnologias, seguindo os padrões de usabilidade e design.

Acessos – Índices Brasil

Segundo o estudo da We Are Social, o Brasil, com uma população de 204 milhões, tem 110 milhões de usuários de internet (penetração de 54%). Desses 110 milhões, 96 milhões (47% da população total), têm perfis em redes sociais, 276 milhões têm celular (densidade de 135%) e 78 milhões (38% do total da população) acessam seus perfis por meio de dispositivos móveis. Respectivamente, os acessos à internet devem crescer 10% este ano; as mídias sociais, 12%; os celulares, 3%; e os acessos a redes sociais por meio móvel, 15%.

O brasileiro, em média, fica 5:26 horas conectado à internet; gasta 3:47 horas com acesso móvel; gasta também 3:47 horas com acesso a redes sociais (via mobile ou fixo); e consome 2:49 horas com TV.

As redes sociais ou serviços de mensagens mais usados são o Facebook (25% do total); WhatsApp (24%); Messenger do Facebook (22%); Skype (14%); Google+ (13%); Twitter (11%); Instagram (10%); LinkedIn (9%); Pinterest (6%); e Badoo (6%).

Fonte: http://www.meioemensagem.com.br/home/marketing/noticias/2015/01/21/As-tendencias-de-web-mobile-e-social-em-2015

Gestão versus Obrigação

Durante as duas décadas mais recentes, os estados da federação estão inovando seus sistemas de fiscalização e controle sobre as atividades econômicas realizadas em seus territórios.

Estas inovações afetam diretamente o comércio e a indústria que acabam obrigadas a investir em novas tecnologias para serem capazes de fornecer informações em formato eletrônico, com maior nível de detalhe e muitas vezes online.

Estas inovações encontram, na sua maioria, um mercado despreparado e altamente informal. Tanto no que diz respeito às questões tributárias quanto na gestão quase amadora de empreendimentos.

A reação inicial do mercado foi de resistência ao que parecia ser uma série de exigências apenas com finalidade arrecadatória e sem efeito prático para as empresas e comércios.

Agora, aumenta a percepção de que, muito além de uma obrigatoriedade onerosa que atende apenas aos interesses do fisco, as novas ferramentas representam uma oportunidade para implantar práticas de gestão que reduzem perdas e aumentam receitas.

Acompanhando o pensamento popular ’se te derem um limão, faça uma limonada’, é possível às organizações se beneficiarem do uso da tecnologia que, a princípio, era uma imposição e transforma-se num aliado, que auxilia na organização das informações e otimização de processos.

Recebimentos com Cartão de Crédito/Débito

“Estou recebendo das operadoras de cartões todos os valores das vendas que realizo?”. Essa é uma pergunta comum entre proprietários de estabelecimentos comerciais.

No período de 2011 a 2013, as vendas realizadas utilizando cartões como meio de pagamento cresceram, segundo estudos, em torno de 30% na quantidade de transações e 39% em valor total.

Esse incremento já foi percebido pelo comércio em geral e é bem recebido pela grande maioria de comerciantes e clientes.

Porém, a grande quantidade de transações realizadas apresenta um problema adicional na gestão dos estabelecimentos comerciais: a conciliação entre as vendas efetuadas e o efetivo recebimento dos valores nas datas esperadas.

Em meio a milhões de transações não é seria surpreendente se algumas foram extraviadas, canceladas pelo cliente ou por alguma outra razão não sejam registradas ou creditadas na conta-corrente do estabelecimento.

Para os estabelecimentos, o custo de conferir/conciliar todas as transações torna-se elevado, e por esse motivo muitos acabam negligenciando esta importante rotina, ocasionando perdas financeiras difíceis de serem mensuradas.

A tecnologia da informação é ideal para resolver, com uma excelente relação “custo x benefício”, essa questão tão importante.

Um bom sistema informatizado ajuda no controle e gerenciamento dos créditos existentes e de seu efetivo recebimento, garantindo assim maior tranquilidade na gestão do negócio.

Aumentando e garantindo receita pelo crediário

Com um bom controle do crediário você pode garantir e aumentar a receita de seu negócio.

Nossos clientes nos procuraram para que nós pudéssemos auxiliá-los na gestão do crediário, pois desconfiavam que muitos de seus clientes não estavam pagando corretamente e eles mesmos não tinham certeza de seu controle.

Após entendermos o problema de controle de crediário de nossos clientes implementamos um processo que refletiu imediatamente no aumento das receitas, pois foi possível recuperar créditos e promover ainda mais, agora de forma profissional, a venda pelo crediário.

Sua empresa ainda usa o caderninho?

Em estabelecimentos que diariamente fornecem refeições a profissionais de diversos segmentos, que procuram rapidez e qualidade no atendimento, o crediário é um recurso importante não só para dar agilidade no atendimento, mas também como um instrumento de fidelização do cliente.

Este é o caso de restaurantes, cafeterias e padarias.

Quando bem gerenciado o sistema de crediário pode fidelizar a clientela e a aumentar as vendas de um estabelecimento. É preciso, porém, um controle rigoroso para que a abertura de crediário não se torne uma fonte de prejuízos.

É fundamental estabelecer critérios ao fornecer crédito a quem quer que seja. A utilização de um contrato é sempre aconselhável.

Uma vez formalizado o acordo, o cliente pode usufruir de facilidades como evitar filas para pagamento da conta, descontos em programas de fidelização, fazer o pagamento através de internet entre outros.

Aproveitando-se da necessidade crescente de utilização da tecnologia da informação, principalmente devido às exigências legais, pode-se utilizar o sistema fiscal para gerenciar também o crediário. Garantindo assim a segurança e precisão do controle.

Um sistema de crediário deve oferecer consistência nas informações para evitar perdas e cobranças indevidas. Deve também ter consultas e relatórios gerenciais que possam ser visualizados a qualquer momento e em tempo real, e deve também manter o cliente informado do seu limite de crédito e crédito consumido.

Sempre que possível disponibilizar ao cliente uma consulta, via internet, da conta. Esta consulta deve ser detalhada, para que o cliente possa esclarecer suas dúvidas facilmente.

Clique aqui e peça maiores informações – comercial@datamais.com.br

Ransomware vírus: prevenção é a melhor estratégia

Nas últimas semanas alguns de nossos clientes tiveram seus computadores afetados por um vírus que criptografa os arquivos do computador, impedindo que os mesmos sejam usados normalmente.

Na verdade é um malware conhecido com ‘ransomware‘.

Para poder voltar a usar os arquivos é exigido que se pague um resgate a um determinado site.

Por este motivo recomendamos que sejam adotadas medidas de segurança como:

  1. A medida mais importante é efetuar backup (cópia de segurança) do seu banco de dados e arquivos que você considere importantes;
  2. Abrir e-mails e links com cautela;
  3. Antes de usar um pen drive no seu computador certifique-se de que ele não esteja infectado.

Lembramos que, mesmo pagando o resgate, não há garantias de que os arquivos sejam restaurados.

Mais informações pode ser encontrados no site da Microsoft entre outros.

http://blogs.technet.com/b/risco/archive/2015/02/04/ransomware-o-que-233-como-identificar-como-funciona.aspx

Multiple-Reveton-Ransomware-Attacks

Sistema para Gerenciamento de Confeitarias e Padarias

Automatize e Regularize seu estabelecimento!
As crescentes mudanças  fiscais neste setor vem de encontro com as necessidades de um consumidor cada vez mais exigente e com pouco tempo para realizar suas tarefas do dia a dia.
A automação pode ser a saída para resolver estas questões, proporcionando maior controle, agilidade no atendimento e gerenciamento do estabelecimento.

Mais detalhes, clique aqui.

Desenvolvimento de Apps

Com o Crescimento expressivo do mercado de aplicativos móveis e a criação de novas necessidades para os usuários, analisar o seu negócio e perceber o que a sua empresa também pode oferecer, seja para melhorar a estratégia de comunicação com seus clientes ou para atender as necessidades de mercado do seu negócio, pode fazer toda diferença.

Recentemente desenvolvemos um aplicativo que permite aos usuários/passageiros acompanhar em tempo real o ônibus desejado, em seu trajeto, e saber sua localização.
O objetivo é a melhoria da comunicação entre empresas e usuários e a obtenção de informações em tempo real que possam auxiliar as empresas na melhor gestão dos veículos e itinerários.

Com isso o usuário/passageiro pode em tempo real:

  • estimar o tempo de chegada do ônibus no ponto de espera
  • saber se ônibus está ou não no trajeto
  • saber se ônibus está ou não no horário
  • receber avisos/mensagens importantes sobre as linhas/trânsito/mudanças ou mensagens promocionais

A empresa pode em tempo real:

  • enviar aos usuários/passageiros avisos/mensagens importantes ou promocionais
  • enviar aos motoristas avisos/mensagens importantes ou promocionais
  • obter o tempo de viagem
  • obter a velocidade média dos veículos
  • saber hora de chegada nos pontos de embarque/desembarque
  • saber localização atual dos veículos

Além desses recursos, outros podem ser customizados dependendo da necessidade do negócio ou mesmo de acompanhar as inovações deste mercado crescente.